Guerra contra a corrupção

Já há um ano e dois meses na presidência do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), o conselheiro Olavo Rebelo repete sempre que o foco de sua gestão é o combate à corrupção - notadamente a corrupção que se origina e se alimenta nas licitações e nos conchavos entre gestores e empresas para desviar o dinheiro público. Porém, em um colegiado composto majoritariamente por ex-políticos – ele próprio, Olavo, um ex-deputado de quatro mandatos e figura histórica do PT no Piauí - certamente é difícil sair das boas intenções para a prática com resultados efetivos. Ah, alguém certamente dirá que isso não ocorreu com Olavo Rebelo. Sem medo de errar se pode afirmar que ele não ficou só no discurso. Nunca, por exemplo, um presidente do TCE-PI teve peito para barrar licitação do Estado, como fez com o processo milionário da subconcessão dos serviços da Agespisa, forçando o governo a ir à Justiça para manter o certame. O certo é que, mesmo que não consiga por fim aos desvios e mau uso do dinheiro público (e certamente não conseguirá), o TCE-PI já sairá ganhando se criar na população uma cultura de enfrentamento da corrupção. Neste aspecto, seu esforço pode sim, ser coroado, com a promoção do I Simpósio de Inteligência Institucional do TCE-PI. O evento trouxe a Teresina, o ministro do STF, Luís Roberto Barroso, que elogiou a iniciativa e representantes de todos os tribunais de contas do país, sem falar nas autoridades do Ministério Público Federal, Polícia Federal e outros órgãos de controle para debater a corrupção e buscar formas de aproveitar melhor a informação estratégica para enfrentar o mal de forma eficaz. Na palestra, Roberto Barroso desenhou um cenário devastador da crise moral, ética e política que assola o país. Mas deu boas demonstrações de que as mudanças já estão acontecendo. Umas das lições dele: “Há uma demanda por integridade, patriotismo e idealismo em toda parte. Essa é uma energia que muda paradigmas”. Por isso que se vê que o TCE-PI está à frente dessas mudanças e já há sinais claros de que é possível vencer a guerra contra a corrupção. 

A pianista e maestrina Adalgisa Paiva será homenageada pelo Governo do Estado com espaço aberto no Museu do Piauí
A pianista e maestrina Adalgisa Paiva será homenageada pelo Governo do Estado com espaço aberto no Museu do Piauí

Não se espantem!
Não será surpresa se um desembargador, viúvo, e uma juíza (também viúva), aparecerem de mãos dadas, em locais públicos.
Os dois têm sido vistos em mesa de restaurantes, mas com outros amigos.

Prêmio nos EUA
A professora Mirlane Ramos viajou em missão oficial aos Estados Unidos, para receber o Prêmio Gestão Escolar 2017, por ter sido destaque no Piauí na direção da Unidade Escolar Monsenhor Raimundo Nonato Melo, que fica no bairro Morada do Sol.

Oportunidades
A Uespi está com inscrições abertas para 30 cursos de pós-graduações lato sensu. São 1.345 vagas em áreas como Psicologia Jurídica, Geografia com Ênfase em Cartografia, Consultoria e Planejamento Turístico, e Sustentabilidade na Gestão Pública e Privada.

Inscrições
Os candidatos às vagas dos cursos de pós-graduação da Uespi devem se inscrever até 23 deste mês, no site do Nucepe.
A dificuldade, até agora, tem sido conseguir entrar no site.

Filme piauiense
O cineasta piauiense Dedé Rodrigues, da região de Picos, disponibilizou para o público na sexta-feira passada, no Youtube, o seu novo filme de longa-metragem.
Chama-se “Iara a Mãe Dágua”.

Filme piauiense 2
No sertão do estado, o realizador Dedé Rodrigues é considerado um verdadeiro fenômeno, especialmente por conta dos seus filmes populares, como a trilogia “Cangaceiros Fora de Tempo”.

Expedição europeia
Jornalistas da Alemanha, Áustria e Suíça farão uma expedição em pontos turísticos e científicos do Piauí. Será de 14 a 28 de março. Entre os pontos visitados estão as serras da Capivara e das Confusões, o Parque Sete Cidades, o litoral e a capital.

Alô! Alô!
Pode ser bizarro, mas se nada fizerem para conter a fúria do mar, já está na hora de os que propagam as belezas do litoral, começarem a fazer campanha para atrair turistas antes que tudo por lá se acabe.
O mar tem sido furioso e inclemente, avançando sobre casas, barracas.

Show
O cantor Paulo Ricardo fará show em Teresina. Será dia 20 próximo, no Theatro 4 de Setembro. Na turnê pelo Piauí, o artista também se apresentará em Floriano, dia 19, em Piripiri, 21, e em Parnaíba, 22. Tudo pelo Projeto Seis e Meia.

Adalgisa Paiva
A Fundacão Cultural do Piauí (Fundac) vai homenagear a maestrina e pianista Adalgisa Paiva. Criará um espaço no Museu do Piauí, para mostrar quem foi essa que ajudou a escrever muitas páginas da cultura do Estado entre os anos 1930 e 1970.
A solenidade será dia oito deste mês, nas comemorações do Dia Internacional da Mulher, com um recital do seu neto, o pianista, maestro e arranjador Luizão Paiva.

Aluna do mestre
Uma bela e merecida homenagem para quem já é nome de rua em Teresina. Adalgisa foi teatróloga e, quando morou no Rio de Janeiro, tinha como mestre e incentivador, o genial Heitor Villa-Lobos. Ela foi, também, aluna do maestro Lorenzo Fernandes.
O espaço Adalgisa Paiva será aberto à visitação pública.

Ping Pong

A promoção

Anos 70. Desembargador amigo do senador Petrônio Portella costuma freqüentar as rodas de conversa da Praça Rio Branco. Entre os freqüentadores, magistrados, professores, funcionários públicos, políticos. O desembargador fala para um juiz.
O desembargador: “O Senador Petrônio quer me indicar para ministro do tribunal superior lá em Brasília...”
O juiz: “Pois estude, porque lá não tem essa moleza daqui, não”.

Originalmente publicado em 14 de janeiro de 2008.

Expressas

O mar já destruiu casas e barracas na praia do Coqueiro. Agora está avançando sobre construções na praia de Barra Grande. Reação às ações do homem.

Na entrevista ao Café com Informação (Band e Portal AZ) o secretário da Sasc, José Santana, fala do que vem sendo feito na assistência social.

Santana também fala de política e defende que os principais partidos tenha representante na chapa de Wellington Dias.